domingo, 19 de julho de 2015

Chakras

Caminhantes,

O corpo astral, chamado de perispírito pela Doutrina Espírita, é formado por matéria em estado fluídico, ao passo que o corpo físico é composto por matéria densa, daí este ser percebido pelas faculdades objetivas da mente humana e aquele não.

O sistema nervoso é o elo entre o corpo astral e o corpo físico.

O sistema nervoso é bastante complexo e permeia todo corpo físico, uma vez que as células se tocam uma nas outras pelos dendritos, que são prolongamentos dos neurônios. Contudo, em certos pontos do corpo as células nervosas formam uma espécie de rede compacta, que parecem nós de linha embaraçada. A ciência médica chama esses pontos de plexos nervosos.

Os chakras ficam no corpo astral em locais que correspondem aos plexos no corpo físico.

Chakra em sânscrito significa "roda" ou "disco" porque tem a aparência de um pequeno exaustor ou ventilador, com suas pás - denominadas pétalas - girando incessantemente.

Sete são os principais chakras do corpo humano.

Vejamos:


1º) Chakra básico (Muladhara em sânscrito): 4 pétalas

Cor: vermelha

Localiza-se na base da coluna dorsal, entre o nascimento dos órgãos genitais e o ânus. Detém força vitalizadora poderosa, chamada pelos esotéricos e exotéricos de "Kundalini". Esta força, além de revigorar o sexo, pode ser transformada em energia mental. No corpo físico, correlaciona-se com as glândulas suprarrenais.

2º) Chakra sacro (Swadhistana em sânscrito): 6 pétalas

Cor: laranja

Localiza-se no baixo ventre. Está ligado à energia sexual. No corpo físico, corresponde as glândulas gônadas, testículos no homem e ovários na mulher.

Obs.: O chakra esplênico, localizado na altura do baço, por não ter correlação com nenhuma glândula é considerado um chakra secundário.

3º) Chakra umbilical (Manipura em sânscrito): 10 pétalas.

Cor: amarela

Localiza-se na região do umbigo. Sua função é absorver da atmosfera terrestre para o corpo físico elementos capazes de vitalizar o sistema digestivo e o metabolismo alimentar. Controla também o sistema nervoso parassimpático.

No corpo físico, está ligado à glândula pâncreas.

4º) Chakra cardíaco (Anahata em sânscrito): 12 pétalas.

Cor: verde

Localiza-se nas imediações do coração. Governa o sistema circulatório e o envio de oxigênio a todas as células, através do sistema arterial. 

Este é o chakra que vibra fortemente quando sentimos empatia, amor ou compaixão por nossos semelhantes.

No corpo físico, corresponde à glândula timo.

5º) Chakra laríngeo (Vishuddha em sânscrito): 16 pétalas.

Cor: azul claro.

Localiza-se na garganta, na altura da tireoide. Responsável pela emissão da voz. Nos cantores e oradores empresta-lhes na voz belo timbre e volume possante.

6º) Chakra frontal (Ajna em sânscrito): 96 pétalas.

Cor: azul índigo.

Localiza-se entre as sobrancelhas, acima da glabela. No corpo físico, corresponde à glândula pituitária ou hipófise. Este chakra responde pela clareza de raciocínio e a percepção intelectual. Quanto mais desenvolvido ele for, mais rápidas serão as duas características supramencionadas.

Por ser responsável pela vidência no plano astral, é conhecido pelos místicos como "Terceiro Olho".

7º) Chakra coronário (Sahasrara em sânscrito): 972 pétalas.

Cor: violeta.

Localiza-se no topo da cabeça. No corpo físico, corresponde à glândula pineal.

Tal chakra é de fundamental importância, pois através dele recebemos a Energia Cósmica. 

Os monges sempre souberam de sua importância. Até hoje, raspam a cabeça visando a afastar qualquer empecilho material à sua ligação com a "Luz Maior".

Este chakra é também chamado de "Lótus de mil pétalas".

Profunda paz. 

PS: Um singelo agradecimento a uma amiga de nacionalidade argentina, nascida em San Juan e criada em Jujuy, que gentilmente desenhou a figura desta postagem.

12 comentários:

  1. Muito bom esse estudo.Vou ler mais vezes .Carminha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida irmã, que bom que você gostou. Continue a nos visitar.

      Excluir
    2. Muito bom! Postagem muito interessante !

      Excluir
    3. Querida amiga, adoramos a sua visita.

      Excluir
  2. Ótimo texto. O assunto me interessou e gostaria de pedir uma nova postagem sobre o tema. Parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estimada irmã, o tema chakras realmente é intrigante. Somos gratos por tamanha gentileza e consideração com nosso blog.
      O seu pedido de nova postagem sobre este assunto será atendido, em breve.

      Excluir
  3. A densidade do assunto aqui tratado me recomenda a voltar mais vezes. Belos ensinamentos!

    ResponderExcluir
  4. Há mais mistérios entre o céu e terra do que supõe nossa vã filosofia...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estimado irmão, leitor de William Shakespeare, continue a nos visitar.

      Excluir
  5. Adorei essa postagem! O assunto não é novo para mim, nós que gostamos da yoga já sabemos algo a respeito, mas olha só uma informação nova que você me trouxe: o porquê dos monges rasparem a cabeça! Demais! E agora óbvio! rsrs... Parabéns por mais esse texto super gostoso de ler! E faço coro com a Aline, gostaria de ler um novo texto seu sobre o assunto! Bjo grande!

    ResponderExcluir
  6. Querida irmã, a sua participação é sempre bacana.

    ResponderExcluir